Mudança de rota

Pois é, nada é como pensamos, principalmente em viagens. Eu e meu colega de viagem estávamos achando meio boring o trajeto que tínhamos feito e resolvemos mudar. Não que os lugares fossem ruins ou sem graça, ao contrário disso. Ainda tenho esperanças de conhecer Hong-Kong, Macau e outros buracos do sudeste asiático. Mas estava assim… boring e resolvemos trocar radicalmente o traçado. Agora, depois de uma semana em Bali, vamos para a Índia passar 25 dias zanzando pela fedentina. Tá bom, nem todo o país fede, mas que os costumes e hábitos dos indianos são, digamos.. estranhos, isso não.

Devido a conexões, paradas e escalas, entramos por Nova Délhi e vamos seguindo a costa ocidental onde ficam Mumbai (antiga Bombay), Goa, Mangalore, Kochi e outros lugares bacanas. Dali, Bangalore, Chennai e a capital cultural do país, Kolkala, que é a antiga Calcuttá onde acabamos o tour pelo país. Ai só resta Bangkok para retornar para casa. No total, quase 47 mil quilômetros voados, além de muitos outros milhares realizados dentro da Índia por meio dos maravilhosos trens que ligam tudo que é buraco e vilarejo do país.

Enfim, o mapa da nova rota está aqui. Clicando sobre o mesmo é possível conhecer a rota completa, que ainda passa por Dubai, nos Emirados áranes Unidos.

Rota para a Ásia

 

2 Comentários

Adicione o seu

  1. Eder L. Marques

    24/11/2010 — 15:25

    Bacana a viagem hein Paulino? Tive que optar pela India ou China, e acabei ficando pela última, por comodidade e tempo. Ainda vou fazer essa viagem.

    Hong Kong é bem interessante, mas não gostei de Macau, a menos que você seja fã de cassinos. De qualquer modo, vale a pena pegar o ferry boat em HK e passar um dia e noite em Macau.

    []´s

1 Pingback

  1. Mudança de rota | TravelSquare

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 + seis =